domingo, 28 de setembro de 2008

Pq SUCULENTAS? - Para Maria Lúcia (Feltro em Casa)

A Maria Lúcia, do Feltro em casa perguntou-me se o nome suculentas é um apelido carinhoso que dei à alguma plantinha. Claro q terei o enoooorme prazer em responder de forma generalizada. Afinal, realmente me dei conta de que esse nome, pra mim tbm é novo e muito amplo. Por isso q eu disse no post anterior q, fico com cara de boba qdo descubro q determinada plantinha é uma "suculenta". E fui ali e ali pegar umas respostas mais técnicas q não farão mal a ninguém.

Essa fotinha eu peguei da Kátia, no Daqui do meu quintal , q aliás tá com um post sobre sua produção caseira, q é de babar. Tem até fotinhas de suculentas bebês em desenvolvimento (tchutchucas!). Ahhh, pode ir lá conferir sem medo, as fotos da Kátia não são de celular (como as minhas)....kkkkkkk... Xêro Katita.


O texto abaixo é um fragmento do site da Angela Goulart Gontijo, uma mineira nascida em Belo Horizonte, radicada em Janaúba, norte de Minas; agrônoma, produtora de plantas ornamentais, especializada em suculentas (q abastece os mercados de BH, SP e DF... obááá!!!). Vale a pena conferir o histórico sobre as apaixonantes plantinhas e as dicas que a Angela nos presenteia em seu site: Suculentas.


"As suculentas são plantas que acumulam água em um ou mais de um dos seus tecidos. Por serem de regiões secas precisam de uma reserva para os longos períodos de estiagem. Elas podem armazenar água nas raízes, caules, troncos, folhas etc. Por isso muitas vezes elas apresentam folhas, troncos ou o caule "gordinhos" cheio de água, daí o nome "Suculentas". As suculentas usam alguns "truques" para diminuir a perda de água como envolver as folhas com uma fina película de cera ou uma camada bem densa de espinhos para fazer sombra no corpo da planta. Muitas suculentas desenvolveram também um metabolismo diferente, chamado CAM (metabolismo do ácido crassuláceo), onde as plantas fecham os estômatos durante o dia e os abrem durante a noite. Estômatos são pequenas aberturas nas folhas que absorvem o dióxido de carbono enquanto as raízes absorvem água.

O alimento para a planta é produzido pela fotossíntese, combinando a água e o dióxido de carbono para produzir açúcares. Nesse processo (fotossíntese) o oxigênio é produzido e liberado no ar. No caso das suculentas o dióxido de carbono absorvido durante a noite é liberado gradativamente durante o dia, e também combinado com vários ácidos orgânicos (ácido málico). Durante o dia este ácido é transformado em açúcar pela ação da fotossíntese. As suculentas são sempre de região seca; porém podem ser de regiões secas quentes ou regiões secas frias como Alpes ou Balcãs (Sempervivum).

As espécies de suculentas são em torno de 22.000, sendo 2.000 espécies de cactus.
As suculentas não são uma família mas um grupo de plantas. Algumas famílias como a das cucurbitáceas (abóboras) possuem
espécies que são suculentas, mas não todas. Fazem muita confusão também entre cactus e suculentas. Os cactus são de uma família do grupo das Suculentas (Cactaceae). Todo cacto é uma suculenta mas nem toda suculenta é um cacto.

Nós fazemos classificação das Suculentas, quanto à luminosidade da seguinte maneira:
VERDE – Muita luminosidade, sem sol direto.
AMARELA – Sol durante parte do dia.
VERMELHA – Sol pleno."


Aki temos o acervo da Angela. Fotinhas com os devidos nomes científicos: aloe variegata, Crassula muscosa monstrose...hummm?!?!?!? Mas ainda prefiro os nomezinhos populares: dólar, dedo-de-moça, rabinho-de-tatu, rosa-pedra, pé-de-peruca, brilhantina etc etc etc.

2 comentários:

Sônia Maria disse...

Oi, amiga!
Que lindinhas suas suculentas!
Eu amo as suculentas. Elas são muito fofas.....
Amei seu contario, amiga!
Uma linda semana.
Abraços com carinho,
Sônia Maria

Suzana Inglez (Suka) disse...

Oi Sil! Tudo bem? As suculentas do quintal da Kátia ta fazendo sucesso, mesmo! Viu a fotinho de suculenta que postei lá em casa? vem tomar um café! beijos e ótima semana prá ti!