quarta-feira, 10 de março de 2010

Feliz 365 Dias Mundiais da Mulher


Depois que me aposentei sem salário é que realmente descobri o que é trabalhar por e com amor. Entre uma atividade e outra, fecho um jornal aqui, uma revista ali; dou uma olhada no bebê, coloco a roupa na máquina, troco a água dos dogs, respondo e-mails, lavo a louça do café, coloco o feijão para cozinhar, tiro a roupa da máquina, faço um anúncio para um cliente... é hora de cuidar do almoço. O bebê está com a garganta inflamada, é hora do remédio. Por falar em remédio, às 13h30 tem consulta médica mas antes, preciso finalizar e enviar aquele anúncio. Azeite e sal na salada enquanto falo com o cliente ao telefone. Colherada de comida na boca do bebê e celular na orelha, é uma amiga precisando de ideias para um presente de aniversário... ufa!!!... e assim o dia vai passando.

À tardezinha, sol mais distante, hora de cuidar das amadas plantinhas e se o caboclo arteiro baixar por estas paragens ainda dou um tapa na criatividade só para relaxar antes de preparar o jantar.



Sexta (05/03/2010) aconteceu a Feira de Exposição Intercultural da Mulher, realizado pela Ditec - Banco do Brasil, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Me convidaram e eu fui. Fui e levei algumas das minhas criações, os mini jardins da Terapia Ocupacional Caseira. Afinal, mulher a-do-ra novidades, né não?



Sejam felizes nos 365 Dias Mundiais da Mulher